Moderadores: Casimira Flor, Nuno Silva

 

 

Pessoas -Incentivos Culturais:as atitudes culturais implícitas e explícitas, as crenças e incentivos que existem dentro da organização para formar, criar e apoiar o uso dos ativos intelectuais (incluindo conhecimento) para alcançar as suas metas;

·         Identificação e Criação do Conhecimento: a capacidade da organização e seus stakeholders para identificar e criar conhecimento (e outros ativos intelectuais), especialmente, aqueles que contribuem para a organização atingir as suas metas;

 ·         Partilha do Conhecimento: a capacidade da organização e seus stakeholders para partilhar ativos intelectuais que permitam à organização alcançar as suas metas:

 ·         Comunidades de Prática e Equipas de Conhecimento: identificar a existência, a natureza e o envolvimento de pessoas na Organização  que possam, efetivamente influenciar na solução de problemas e permitir que a organização alcance as suas metas;

 ·         Aprendizagem: a existência e capacidade da organização para construir capital humano através de formação  ou outras atividades dirigidas para partilha do conhecimento;

 Casimira Flor 9/11/2012

Um dos principais problemas na gestão do conhecimento é a tendência das pessoas reterem os seus conhecimentos. Mesmo as que não o fazem intencionalmente podem simplesmente não estar motivadas a mostrar o que sabem. Para que a gestão do conhecimento produza efeitos práticos , deve estar plenamente ancorada pelas decisões e compromissos da alta direção no que diz respeito às iniciativas necessárias em termos de desenvolvimento estratégico e organizacional, investimento em infra-estrutura tecnológica e cultura organizacional, que celebre o trabalho em conjunto e a partilha.

Os knowledge workers, segundo TERRA (2000, p. 203), têm algumas questões e desafios a vencer:

·         Como mapear o conhecimento (competências individuais) existentes nas Organizações?

·         onde se encontram as expertises e habilidades centrais da empresa relacionadas às core competences?

·          como facilitar e estimular a explicitação do conhecimento tácito dos trabalhadores?

·          como atrair, selecionar e reter pessoas com as requeridas competências, habilidades e atitudes?

·         como manter o equilíbrio entre o trabalho em equipa e o trabalho individual e entre o trabalho multidisciplinar e a requerida especialização individual?

·          como utilizar os investimentos em informática e em tecnologia de comunicação para aumentar o conhecimento  e não apenas acelarar o fluxo de informações?

·         quais sistemas, políticas e processos devem ser implementados para moldar comportamentos relacionados ao estímulo à criatividade e  aprendizagem?

·          como incentivar e premiar o knowledge sharing (partilha de conhecimento) e desencorajar o knowledge holding (que as pessoas guardem o conhecimento para si próprias)?

·         como tornar a Organização  aberta ao conhecimento externo?

·          Como ampliar e capturar o fluxo de conhecimentos, insights e ideias provenientes de clientes, parceiros, fornecedores e da comunidade em geral?

Casimira Flor 8/11/2012